Estudo revela qual o interesse delas no franchising

Levantamento realizado pelo Guia Franquias de Sucesso analisou o perfil de investimento delas

Ao pesquisar por franquias para investir, as redes do segmento de beleza, cosméticos, roupas e calçados são algumas das principais preferências das investidoras mulheres. A informação é do relatório “Mulheres Interessadas no Franchising”, desenvolvido pelo Guia Franquias de Sucesso.

Segundo o levantamento, os segmentos que mais se destacam entre as mulheres interessadas no franchising são “Alimentação” (57,4%), “Beleza e saúde” (49,7%), “Serviços” (36,5%), “Cosméticos e perfumes” (34,2%) e “Roupas e calçados” (31,7%).

Já entre os homens, embora “Alimentação” (56,7%), “Serviços” (45,1%) e “Beleza e saúde” (33,2%) sejam segmentos em comum, no topo da lista de interesses aparecem também os setores e “Eletrônicos e tecnologia (35,5%) e “Negócios e finanças” (30,5%).

Para Bianca Oglouyan, consultora da TEAR Franchising, a preferência das mulheres pelos mercados de beleza e moda está relacionada à busca por investir em um segmento com o qual se identifiquem. “Acredito que mulheres tenham mais afinidades com estes segmentos e performam bem porque são mais atentas aos detalhes, se preocupam com o atendimento, com a qualidade da equipe, treinamento. São mulheres que querem empreender com segurança, tendo mais liberdade do que em um emprego formal e buscam uma marca com a qual se identificam como consumidoras”, afirma Bianca.

A consultora da GSPP, Mércia Machado Vergili, também vê o interesse nesses segmentos como um desdobramento do perfil empreendedor das mulheres. “No geral, as mulheres têm o perfil mais mãos na massa, enquanto que os homens parecem ser mais investidores. Já que elas procuram estar à frente da operação, buscam negócios prazerosos e que possam desempenhar, e não delegar a terceiros”, reflete Mércia.

Na prática, essa tendência se confirma dentro de redes de franquias. No Instituto Pello Menos, rede de franquias de depilação, por exemplo, a maior parte das unidades é liderada por franqueadas: 67% das franquias em operação são de mulheres. Já na rede de microfranquias de calçados Sapatilha na Sacola, 90% das unidades são de franqueadas.

Disponibilidade de investimento é menor entre as mulheres – De acordo com os dados compilados, o número de mulheres interessadas em investir no franchising ainda é menor do que o de homens: são 56% de homens contra 44% de mulheres.

Dentro deste universo, a disponibilidade de capital para investir também se diferencia entre os dois públicos. Entre as mulheres, o percentual que busca franquias de até 10 mil reais é maior do que entre os homens. São 57,4% das mulheres e 50,3% dos homens com capital nessa faixa. Já entre aqueles que declaram interessados em uma faixa de investimento acima de 200 mil reais, o percentual de mulheres é quase cinco vezes menor que o de homens – 0,57% das mulheres para 2,5% dos homens.

“Infelizmente ainda existe uma disparidade muito grande entre a renda de mulheres e homens no Brasil. A renda das mulheres brasileiras é 42,7% menor que a dos homens, segundo o Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (Pnud). Portanto, a capacidade de investimento tende a ser menor e elas tendem a ser mais conservadoras na decisão, principalmente dentro dessa faixa de investimento de até 10 mil reais, em que cada real faz a diferença”, comenta Daniela Moreira, diretora editorial do Guia Franquias de Sucesso. 

Sobre o Guia Franquias de Sucesso:

Fundado em 2016, o Guia Franquias de Sucesso é um hub de informações para interessados em franquias, tendo como principais objetivos ajudar os candidatos no processo de escolha da franquia ideal e facilitar o contato com as franqueadoras de seu interesse. Com o intuito de fomentar o desenvolvimento do ecossistema do franchising no Brasil como um todo, também fornece conteúdo estratégico e dados de mercado para franqueadoras.

Justiça americana proíbe Glifosato, a base do agrotóxico mais usado do Brasil e no mundo

Trata-se do herbicida Roundup, à base de glifosato, principal ingrediente ativo de diversos pesticidas usados em plantações e jardins. No mês passado, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) propôs manter liberada a venda de glifosato no Brasil, já que não haveria evidências científicas de que a substância cause câncer, mutações...

No Amazonas , turismo de cruzeiro  rende mais de R$ 10 milhões a economia

Aproximadamente R$ 10 milhões foram injetados na economia amazonense, até o momento, com a vinda de 12 navios cruzeiros para o estado, na temporada 2018/2019. Nesta sexta-feira (15/03), atracou no Porto de Manaus, centro, o 13° transatlântico, M/S Veendam, com quase dois mil turistas, sendo 1.350 passageiros norte-americanos e...

Mineroduto de bauxita da Hydro está com licença vencida, diz MPF

A linha de transmissão de energia e um mineroduto de 244 km, operados pela Norsk Hydro e a Mineração Paragominas no Pará, estão com licenças de operação vencidas desde 2014, de acordo com o Ministério Público Federal (MPF). Risco de vazamento preocupa autoridades, segundo o órgão. A empresa disse...

Previsão de atingir entre 28,74 e 29,34 metros, a cheia do rio Negro

A cheia do rio Negro para este ano, em Manaus, deverá alcançar um nível de 29,04 metros com uma margem de erro de 30 centímetros para cima ou para baixo (28,74 a 29,34 metros). A informação tem como base o modelo matemático de previsão de cheias do rio Negro...

Redbull acelera empreendedores de impacto social

Empreendedores e pessoas com projetos de impacto social podem se inscrever para workshops gratuitos de storytelling da Red Bull Amaphiko. São Paulo, Belém, Recife, Curitiba e Salvador receberão as oficinas de 22 a 29 de março, sempre das 19h às 22h. As oficinas buscam auxiliar no desafio que todo empreendedor social enfrenta...