Plastivida participará do Congresso Internacional de Educação Ambiental, no Peru

O evento, do qual a Plastivida é um dos patrocinadores, traz discussões sobre mudanças climaticas e a importância da educação ambiental

A Plastivida – Instituto Socioambiental dos Plásticos é uma das entidades patrocinadoras do Congresso Internacional de Educação Ambiental – Abordagem Intercultural no contexto da Mudança Climática (CIEA Cusco 2018), que será realizado no período de 6 a 9/11, no auditório da Universidade Nacional San Antonio Abad de Cusco (UNSAAC), em Cusco, no Peru.

O objetivo do evento é compartilhar experiências bem-sucedidas e inovadoras de implementação de iniciativas de educação ambiental em contextos interculturais, destacando sua importância como uma estratégia dinâmica para a responsabilidade da sociedade para se adaptar e mitigar as alterações do clima.

Na ocasião, Ivam Michaltchuk, conselheiro da Plastivida, representará a entidade e fará uma palestra sobre educação ambiental e sustentabiliade. A ideia é falar aos participantes sobre a missão e a atuação da entidade, bem como seus projetos e ações tanto no eixo de educação ambiental, quanto na reciclagem dos plásticos em geral.  “É uma oportunidade valiosa para compartilhar as iniciativas brasileiras e os resultados já alcançados aqui, com profissionais de outros países, ligados diretamente ao tema do Congresso, como também conhecer experiências exitosas que possam ser implementadas no Brasil”, afirma o Michaltchuk.

 

A região de Cusco é uma das regiões mais vulnerável às mudanças climáticas. O estresse hídrico, a degradação do solo e os eventos climáticos extremos geram impactos na população ao longo dos anos. Este problema é prioritário para as autoridades locais. Desta maneira, a UNSAAC assumiu um papel de liderança na promoção de estratégias de educação ambiental adequadas à realidade regional. Para alcançar esses objetivos, é fundamental compreender a pluralidade cultural existente no país, para planejar soluções integrais, considerando os saberes locais que atualmente são invisíveis ao olhar do resto do mundo.  De acordo com o presidente da Plastivida, Miguel Bahiense, o perfil do evento vai ao encontro das bandeiras levantadas pela entidade em sua atuação no Brasil. “Esse tipo de iniciativa é de suma importância para apresentar e desenvolver questões sobre educação ambiental na conscientização e auxilio a entidades, empresas e a população sobre a importância que os plásticos possuem na preservação do meio ambiente e em diversos setores da economia mundial”, afirma Bahiense.

Serviço: Plastivida no Congresso Internacional de Educação Ambiental DATA: de 06 a 09 de novembro
LOCAL: Universidade Nacional San Antonio Abad de Cusco (UNSAAC)
ENDEREÇO: Cusco – Peru

SITE DO EVENTO: http://educacionambientalcusco2018.org/

COMPARTILHAR