De 03 a 07 de Abril de 2017, a TOMRA Sorting Recycling vai estar presente na FEIPLASTIC, na Expo Center Norte, São Paulo. Localizado em frente à denominada “Operação Reciclar”, o stand da TOMRA (N29) vai, este ano, demonstrar o AUTOSORT e falar sobre o AUTOSORT FLAKE. No entanto, mais que marcar presença na feira, o objetivo principal da TOMRA é passar uma mensagem positiva para o mercado brasileiro de reciclagem, em uma palestra a ser realizada na “Arena do conhecimento” na terça-feira, dia 04/04/2017 das 14h às 14h45h no sentido de discutir como os sensores óticos podem trazer melhorias de processo em tempos de crise e fazer toda a diferença na hora de reciclar.

Realizada desde 1987 em parceria entre a Abiplast e a Reed Exhibitions como BRASILPLAST e, desde 2013 com o nome de FEIPLASTIC, a feira integra os principais decisores da cadeia do plástico às tecnologias do futuro. Desta forma, a TOMRA Sorting Recycling não quis deixar de marcar presença, e durante todo o evento quem visitar o stand poderá estar em contacto com os equipamentos TOMRA já referenciados, assim como a Diretora Comercial Carina Arita, que vai responder a questões, curiosidades, mas também falar de projetos já existentes, no sentido de consolidar conhecimentos sobre todos os processos.

O stand vai contar com a presença de um AUTOSORT para demonstração, a DEMO UNIT. Para quem desconhece o processo de automatização da TORMA, esta é uma excelente oportunidade para ter um primeiro contato. A DEMO UNIT é um equipamento compacto, mas em funcionamento em escala real simulando a separação dos diversos plásticos por tipo de material e por cor.

Relativamente aos equipamentos, o AUTOSORT FLAKE é um sistema de purificação de polímeros moídos (normalmente denominado como flakesou escamas) no processo de reciclagem que combina detecção do tipo de material e cores com a maior informação relevante para maximizar a recuperação de produtos recicláveis de alta qualidade que os mercados exigentes demandam cada vez mais. A tecnologia inovadora dessa nova geração do AUTOSORT FLAKE também detecta metais, e o seu processamento duplo oferece aos clientes o melhor rendimento possível no processamento do material juntamente com uma saída de alta vazão constante, tudo a partir de uma única máquina.TOMRA AUTOSORT FLAKE

Tal como acontece no equipamento AUTOSORT, o novo AUTOSORT FLAKE da TOMRA conta com a patente tecnológica FLYING BEAM® combinada com o novo desenvolvimento do módulo ótico FOURLINE 2mm, que é atualmente a mais alta resolução NIR disponível no mercado de equipamentos por sensor. Este recurso inovador oferece aos clientes calibração contínua para evitar erros que podem levar a períodos de inatividade, dando assim uma estabilidade que os concorrentes da TOMRA Sorting não conseguem igualar. Desta forma, contribui para uma baixa necessidade de manutenção e baixo consumo de energia e é a prova real que se pode proteger os recursos naturais ao mesmo tempo que se reduzem os custos operacionais.PET_Flakes

Papel da TOMRA Sorting Recycling no mercado brasileiro

De acordo com o Diretor Regional para o continente Americano, o Carlos Manchado, a presença da TOMRA Sorting na FEIPLASTIC “é uma grande oportunidade de expor ao mercado de plásticos de forma ampla, uma vez que se trata da mais abrangente feira da indústria de plástico. Além da nossa experiência na FEIPLASTIC 2015 ter sido muito positiva considerando as vendas realizadas”. O Diretor Regional reforça ainda “que a tecnologia da TOMRA é muito nova no mercado brasileiro e oferece muitos benefícios às empresas que a implementam devido ao ganho de produtividade, ganho de qualidade no material e estabilidade de processo”.

Para além da visibilidade que a FEIPLASTIC possa vir a trazer, o objetivo da TOMRA passa também por trazer uma mensagem positivo ao mercado brasileiro, que tem sofrido algumas alterações nos últimos anos, ganhando uma maior consciência para as questões de reciclagem.

Para Carina Arita, Diretora Comercial da TOMRA Sorting Brasil, “o mercado está sofrendo os reflexos da crise assim como toda a economia do país”, no entanto, “a crise tem um lado positivo no qual as empresas olham para dentro de seus processos e produtos e buscam redução de custo, e isso a reciclagem pode proporcionar quando as empresas começarem a substituir a matéria prima virgem por matéria prima reciclada.

Nesse cenário de economia, a TOMRA entra ação com o desenvolvimento de tecnologias de ponta, que permitem maximizar a recuperação dos materiais de alta qualidade. Através da identificação e seleção dos materiais valorizáveis é possível a recuperação de recicláveis descartados no lixo e recuperar aqueles materiais com valor agregado, o que se torna bastante vantajoso para o mercado e para as plantas que otimizam os seus resultados e aumentam os lucros.

A TOMRA Sorting Recycling conta hoje com 40 equipamentos vendidos na América Latina que estão instalados sobretudo em recicladores de PET, PEAD e PP, como por exemplo a ArqPlast, indústria de utilidades domésticas fabricadas em polipropileno que completa o ciclo do material desde a sucata até ao produto acabado. Há também o exemplo da planta Balsamo Reciclagem que produz resina reciclada de PEAD, ou ainda recicladores de PET como a Clodam, Resilider, CNP, Cabelma, CicloPET, entre outros.

Palestra na “Arena do Conhecimento”

Tema: Melhoria de processo em tempos de crise – Seleção automática de plástico

  • Data: 04/04 – Terça-feira
  • Horário: 14h00 às 14h45

Sobre a Tomra Sorting Recycling

A TOMRA Sorting Recycling desenvolve e fabrica tecnologias de separação baseada em sensores para a indústria global de reciclagem e gestão de resíduos. A empresa já instalou mais de 4.400 sistemas em 50 países de todo o mundo.

Responsável pelo desenvolvimento do primeiro sensor de infravermelho próximo para aplicações de separação de resíduos, a TOMRA Sorting Recycling continua sendo a precursora na indústria dedicada à recuperação de frações de elevada pureza a partir de fluxos de resíduos, uma estratégia de reciclagem que maximiza o rendimento e os benefícios de seus clientes.

A TOMRA Sorting Recycling faz parte da TOMRA Sorting Solutions, que também desenvolve sistemas baseados em sensores para a separação, descascamento e controle de processos para a indústria alimentícia e de mineração, entre outras.

A TOMRA Sorting é afiliada da empresa norueguesa TOMRA Systems ASA com capital aberto na Bolsa de Oslo. Fundada em 1972, a TOMRA Systems ASA tem faturamento de cerca de 650 milhões de euros e emprega mais de 2.600 pessoas.

Para obter mais informações sobre a TOMRA Sorting Recycling visite www.tomra.com/recycling

 

COMPARTILHAR