Turismo promove o Brasil na Espanha, em busca de turistas e investidores

Institucional

Em agenda internacional de três dias, ministro do Turismo, Marx Beltrão, participa da Fitur, uma das maiores feiras do setor no mundo

Por Darse Júnior


Crédito: Embratur

O  ministro do Turismo, Marx Beltrão, embarca nesta segunda-feira (16) para Madri para participar da Feira Internacional de Turismo (Fitur), uma das maiores do setor no mundo. Na agenda, uma conferência com empresários ibero-americanos, encontro com o Rei da Espanha, Felipe VI, visita institucional ao estádio Santiago Bernabéu, participação da abertura oficial do Ano Internacional do Turismo Sustentável para o Desenvolvimento e da apresentação da candidatura do Brasil ao posto mais alto da Organização Mundial de Turismo (OMT). Os compromissos terminam na quinta-feira (19), quando o ministro retorna ao país.

“Vamos cumprir uma agenda intensa para aproveitar ao máximo a oportunidade de promover o nosso País em busca de turistas e investidores”, afirmou o ministro Marx Beltrão. O Brasil contará com um estande de 315 metros quadrados, no qual 20 operadores de turismo vão buscar parcerias e comercializar roteiros e serviços turísticos durante a Fitur, de quarta-feira (18) a domingo (22). De acordo com a Demanda Internacional do Ministério do Turismo, o Brasil recebeu 150 mil turistas espanhóis em 2015.

A agenda de Marx Beltrão, que terá a participação do presidente da Embratur, Vinicius Lummertz, começa na terça-feira (17), com a Conferência Ibero-americana de Ministros e Empresários de Turismo. Na ocasião, ele apresentará aos participantes oportunidades de investimentos no Brasil. Entre os temas a serem destacados está o ecoturismo. De acordo com o Estudo de Competitividade no Turismo do Fórum Econômico Mundial, o Brasil aparece em primeiro lugar no quesito recursos ambientais num ranking com 141 nações.

Ainda na terça, Marx Beltrão vai encontrar-se com o Rei da Espanha em uma visita institucional. Já na quarta-feira (18), ele participará do lançamento do Ano Internacional do Turismo Sustentável para o Desenvolvimento, uma cerimônia organizada OMT. O último dia de agenda, na quinta-feira (19) terá uma visita institucional ao estádio do Real Madri, o Santiago Bernabéu. A ideia é usar o legado da Copa do Mundo de 2014 e Jogos Olímpicos e Paralímpicos 2016 para movimentar o turismo e a economia do Brasil.

“Temos estádios e outras arenas que receberam os maiores eventos esportivos e, com certeza, eles podem ser melhor aproveitados, gerando renda e emprego para o País”, comentou Marx. Para finalizar, ainda na quinta, o ministro participa da apresentação oficial da candidatura do brasileiro Márcio Favilla, atual dirigente da OMT, ao posto mais alto da entidade máxima para o turismo da Organização das Nações Unidas. O lançamento será realizado na embaixada do Brasil na Espanha, com a presença de embaixadores e ministros de Turismo de diversos países.

Últimas Notícias – Ministério do Turismo