Equipamento tentará achar a fonte de fenômenos massivos de luz

A SpaceX Falcon 9 rocket launches with NASA’s Imaging X-ray Polarimetry Explorer (IXPE) spacecraft onboard from Launch Complex 39A, Thursday, Dec. 9, 2021, at NASA’s Kennedy Space Center in Florida. The IXPE spacecraft is the first satellite dedicated to measuring the polarization of X-rays from a variety of cosmic sources, such as black holes and neutron stars. Launch occurred at 1:00 a.m. EST.

A agência aeroespacial norte-americana Nasa lançou na quinta-feira (9) a missão exploradora de polarimetria de imagens raio-x (IXPE, na sigla em inglês). A missão é fruto de um esforço colaborativo com a agência espacial italiana ASI e outras 12 entidades internacionais.

O objetivo da IXPE é observar a polarização de raios-x em supernovas, buracos-negros super massivos e objetos com alta emissão de energia espalhados pelo universo.

O lançamento foi realizado a partir do Centro Espacial Kennedy, no estado da Flórida, nos Estados Unidos. “Juntamente com nossos parceiros na Itália e no mundo, adicionamos um novo observatório à nossa frota que moldará nosso entendimento do universo nos próximos anos. Casa aeronave da Nasa é cuidadosamente escolhida para observações que permitirão novas ciências, e a IXPE nos mostrará o universo violento ao nosso redor como nunca pudemos ver”, afirmou Thomas Zurbuchen, administrador do diretório de Missões Científicas da Nasa.

O foguete Falcon 9, da SpaceX, foi responsável por colocar a IXPE em órbita. O módulo carrega três telescópios especiais com detectores polarimétricos – propriedade que permite identificar detalhes no espectro de luz que podem revelar a origem da emissão eletromagnética. A IXPE é considerada sucessora de outros projetos de captura de polarização de raios-x, como o observatório Chandra, principal telescópio de raios-x da Nasa.