Revista Amazonia

Programa Águas Brasileiras: 57 projetos são selecionados em segundo edital

O Governo Federal, por meio do Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR), divulgou nesta sexta-feira (18) o resultado final do segundo edital de seleção de projetos do Programa Águas Brasileiras, voltado à revitalização de bacias hidrográficas. Dos 84 projetos inscritos, 57 foram aprovados. Confira a lista completa neste link.

Neste segundo chamamento, as propostas poderiam ser direcionadas a todas as bacias hidrográficas brasileiras. Os projetos aprovados abarcam 22 unidades da federação (Alagoas, Amapá, Bahia, Ceará, Distrito Federal, Espírito Santo, Goiás, Maranhão, Minas Gerais, Mato Grosso do Sul, Mato Grosso, Pará, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Paraná, Santa Catarina, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul, São Paulo e Tocantins).

Lançado em dezembro de 2020, o Programa Águas Brasileiras busca impulsionar ações de recuperação de áreas degradadas em parceria com o setor privado. Estão previstas ações de recomposição de matas ciliares, preservação de nascentes, tratamento de esgoto, água e destinação dos resíduos sólidos, entre outras. A iniciativa também tem foco na conscientização da sociedade e na mudança de mentalidade sobre a disponibilidade da água.

No primeiro edital do programa, foram selecionados 26 projetos, que vão beneficiar 250 municípios nas bacias dos Rios São Francisco, Parnaíba, Taquari e Tocantins-Araguaia. Além disso, a meta é viabilizar o plantio de mais de 100 milhões de árvores nessas bacias, que são consideradas prioritárias.

Várias empresas se mostraram interessadas em apoiar projetos do Programa e já há parcerias firmadas com 12 delas para a implementação de ações. Os contratos firmados já garantiram cerca de R$ 80 milhões para projetos selecionados no primeiro edital do Águas Brasileiras.

 

Exit mobile version