Dia Mundial da Água: Marca ecológica positiv.a evita poluição de 2,3 bi de litros d’água

 

O Dia Mundial da Água, estabelecido pela ONU em 1993 e celebrado em 22 de março, destaca a necessidade de proteger a água doce e gerir os recursos hídricos. Embora as empresas de consumo sejam grandes poluidoras, muitas estão assumindo a responsabilidade de reduzir o impacto negativo e promover um impacto positivo no meio ambiente.

A positiv.a, uma marca ecológica de produtos de limpeza e autocuidado com uma visão de impacto socioambiental 360º, possui uma produção circular completa e já preveniu a poluição de 2,3 bilhões de litros de água. Além disso, economizou 45,6 milhões de litros de água na manufatura e produção industrial, evitou que 42,8 toneladas de plástico fossem para o mar e transformou 1,6 toneladas de redes de pesca em produto.

“Somos uma empresa de consumo com impacto positivo, o que significa que nos preocupamos com a origem e o destino dos nossos produtos. Pensamos em cada resíduo que geramos e em alternativas para reutilizar as embalagens ou descartá-las corretamente. 97% dos nossos insumos são brasileiros, incentivamos a produção local, temos parceiros em todo o país e acompanhamos de perto o trabalho que eles desenvolvem”, diz Marcella Zambardino, Diretora de Impacto e Cofundadora da positiv.a.

Estima-se que existam cerca de 170 trilhões de partículas de plástico nos oceanos, totalizando 2,3 milhões de toneladas de plásticos nos mares do mundo, de acordo com um estudo do 5 Gyres Institute, uma organização sem fins lucrativos que investiga as principais questões globais sobre a poluição plástica.

A empresa foi uma das primeiras marcas brasileiras a reciclar plásticos retirados do oceano, ações que a levaram a ser reconhecida como uma das 10 startups mais conscientes pelo Movimento Capitalismo Consciente Brasil. Além disso, com acessórios de limpeza feitos de redes de pesca usadas, a marca já reinseriu 1,6 toneladas de redes de pesca transformadas em produtos vendidos, e vendeu mais de 329 mil buchas vegetais, evitando que buchas de plástico acabassem em aterros e oceanos após o descarte.

Fundada em 2016, a marca é certificada pelo Sistema B desde 2017, já plantou 21 mil árvores, evitou o descarte de 128,3 toneladas em aterros e gerou mais de R$2,5MM de renda para pequenos produtores.

Sobre a positiv.a: A positiv.a é a maior marca ecológica de produtos de limpeza e autocuidado do Brasil. Fundada em 2016, a empresa oferece uma linha completa de produtos para lavanderia, cozinha, higiene pessoal e autocuidado, com embalagens biodegradáveis feitas de plásticos e papéis 100% reciclados. Certificada pelo Sistema B desde 2017, a empresa já evitou a poluição de 2,3 bilhões de litros de água; adotou embalagens compostas por amidos e copoliésteres biodegradáveis como PBAT, PLA, entre outros; para produtos líquidos adotou plástico 100% reciclado; reinseriu mais de 66,9 toneladas de plástico virgem e 41,2 toneladas de papel reciclado; além de evitar 128,3 toneladas de descarte em aterros e meio ambiente e reutilizar mais de 1,6 toneladas de rede de pesca. Comprando de produtores locais, a produção da Positiv.a também gerou mais de R$2,5MM de renda para pequenos produtores. A empresa está comprometida em tornar os produtos sustentáveis mais acessíveis, razão pela qual, em 2021, verticalizou a produção e tornou 62% do portfólio com preços equivalentes aos convencionais, preservando a circularidade nas embalagens e promovendo fórmulas ecológicas. Todo esse impacto rendeu à positiv.a o reconhecimento como uma das 10 startups mais conscientes pelo Movimento Capitalismo Consciente Brasil. Recentemente, a marca realizou a maior rodada de equity crowdfunding do país, no valor de R$ 8,3 milhões.

Edição Atual

Assine nossa newsletter diária

Noticias Relacinadas