Google se prepara para a Lei dos Mercados Digitais da UE

Em uma era de crescente escrutínio regulatório, o Google, como outras gigantes da tecnologia, está se preparando para cumprir a Lei dos Mercados Digitais (DMA) da União Europeia (UE), a regulamentação mais abrangente da UE voltada para um mercado digital mais justo. A lei entrará em vigor em março de 2024.

Em uma era de crescente escrutínio regulatório, o Google, como outras gigantes da tecnologia, está se preparando para cumprir a Lei dos Mercados Digitais (DMA) da União Europeia (UE), a regulamentação mais abrangente da UE voltada para um mercado digital mais justo. A lei entrará em vigor em março de 2024.

Desvinculando os Serviços do Google

O Google planeja permitir que os residentes da UE desvinculem serviços individuais uns dos outros. Isso impedirá o Google de usar todos os seus dados em todos os seus domínios. Os residentes da UE terão a escolha de manter uma seleção de serviços do Google vinculados ou desvinculados, ou tomar decisões individuais caso a caso.

Os serviços que podem ser desvinculados incluem Pesquisa, YouTube, Serviços de anúncios, Google Play, Chrome, Google Shopping e Google Maps. A mudança entrará em vigor em 6 de março de 2024.

Impacto na Experiência do Usuário

Quando os usuários optam por não vincular os serviços, alguns recursos não funcionarão mais. Por exemplo, os resultados de pesquisa serão menos personalizados, as recomendações do YouTube serão menos direcionadas e os artigos do feed Discover serão menos personalizados. Além disso, as reservas feitas pelo Google não aparecerão no Maps quando a Pesquisa e o Maps não estiverem vinculados.

Ajustando as Configurações de Vinculação

Os usuários sempre podem acessar as configurações de vinculação em suas configurações de conta do Google em Dados e privacidade → Serviços do Google vinculados → Gerenciar serviços vinculados.

DMA: Nivelando o Campo de Jogo

A DMA visa proporcionar um mercado digital mais justo na UE, adicionando restrições para as maiores empresas de tecnologia, incluindo Google, Amazon, Apple e Meta. Isso deve proporcionar um campo de jogo nivelado para empresas menores, ao mesmo tempo que oferece melhor proteção ao consumidor.

A DMA tem o potencial de revolucionar a paisagem digital em todo o mundo. Se a DMA for bem-sucedida, pode inspirar outros legisladores a aprovar decisões semelhantes.

A preparação do Google para a DMA é um exemplo de como as gigantes da tecnologia estão se adaptando a um ambiente regulatório em constante mudança. À medida que a DMA se aproxima, será interessante ver como essas mudanças afetarão a experiência do usuário e o cenário digital mais amplo.

Edição Atual

Noticias Relacinadas