Pesquisa Aponta BNDES com maior popularidade desde 2015

 

Um estudo encomendado pelo Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) ao instituto Datafolha revelou que a instituição alcançou sua maior popularidade desde 2015. De acordo com a pesquisa, 95% dos 2.020 brasileiros entrevistados expressaram uma visão positiva do BNDES, destacando seu papel na promoção do desenvolvimento empresarial e nacional e na criação de empregos.

O estudo, realizado entre 30 de novembro e 15 de dezembro de 2023, incluiu cidadãos com 18 anos ou mais, pertencentes às classes ABC, com renda familiar mensal superior a dois salários mínimos e com conhecimento básico sobre o BNDES.

A pesquisa do Datafolha mostrou que 54% dos entrevistados associam o BNDES à promoção do desenvolvimento, um aumento de 7 pontos percentuais em relação a 2022. Este é o maior índice desde que a pesquisa começou a ser realizada em 2015. Além disso, 73% dos entrevistados afirmaram ter confiança no BNDES.

Os índices de favorabilidade, confiança e advocacy (ativismo cidadão) entre aqueles que conhecem o BNDES também atingiram recordes históricos: 82% têm uma impressão positiva do banco, 73% expressaram alta ou muita confiança no BNDES, e o índice de advocacy atingiu 43. Com esses resultados, o índice de favorabilidade aumentou 5 pontos percentuais, o de confiança aumentou 7 pontos percentuais e o saldo do índice de advocacy subiu 11 pontos em relação à pesquisa anterior.

Aloizio Mercadante, presidente do BNDES, destacou que “os resultados demonstram a importância da decisão do atual governo de restabelecer o BNDES como uma instituição central para o desenvolvimento do Brasil”. Ele também ressaltou a percepção positiva dos brasileiros sobre a conduta ética e responsável do BNDES, que aumentou 18 pontos percentuais em 2023, assim como a transparência, que subiu 17 pontos percentuais, alcançando os melhores resultados dos últimos anos.

Mercadante enfatizou que o BNDES, antes criticado como uma “caixa-preta”, atingiu um nível de excelência em transparência no ranking da Controladoria-Geral da União (CGU) e da Associação dos Membros dos Tribunais de Contas do Brasil (Atricon) no ano passado, e agora é reconhecido pela população. Segundo Mercadante, isso é resultado do trabalho dos “profissionais altamente qualificados do BNDES, que resgataram o papel histórico do banco no fomento ao desenvolvimento do país, com o reconhecimento da sociedade brasileira”.

Edição Atual

Assine nossa newsletter diária

Noticias Relacinadas