Arábia Saudita Amplia Importações de Sementes Brasileiras

 

O Ministério da Agricultura e Pecuária (Mapa) e o Ministério das Relações Exteriores anunciaram a abertura do mercado saudita para as exportações de sementes brasileiras de diversas espécies, em um comunicado conjunto. Essa decisão representa uma significativa oportunidade para o setor agrícola brasileiro, conforme destacado pelos órgãos governamentais.

A Arábia Saudita, com sua crescente demanda por importação de sementes, impulsionada pelo programa de desenvolvimento da produção de hortaliças em estufas, se apresenta como um mercado de grande potencial. O governo salientou que a expansão das exportações de sementes brasileiras para este país é estratégica e alinha-se com os esforços para fortalecer as relações comerciais bilaterais.

No ano de 2023, de acordo com dados do Ministério da Agricultura e Abastecimento, o agronegócio brasileiro registrou mais de US$ 250 milhões em vendas de sementes no mercado global, totalizando cerca de 47 mil toneladas, com benefício para mais de 120 países.

Vale ressaltar que a Arábia Saudita figura como o 11º maior destino dos produtos agrícolas brasileiros, com exportações totalizando US$ 2,93 bilhões no ano passado. A abertura desse novo canal para as sementes brasileiras representa não apenas uma oportunidade de incremento nas exportações, mas também uma chance de fortalecimento das relações comerciais entre os dois países.

Com essa iniciativa, o Brasil reafirma sua posição de destaque no mercado agrícola global, fornecendo produtos de qualidade e atendendo às demandas específicas de diferentes regiões do mundo. A expectativa é que a parceria entre Brasil e Arábia Saudita no setor agrícola continue a se fortalecer, trazendo benefícios mútuos para ambas as nações.

Edição Atual

Assine nossa newsletter diária

Noticias Relacinadas