IBM promete investir até US$ 45 milhões para adaptação climática

 

A IBM (NYSE: IBM), em conformidade com o SDG 11 das Nações Unidas, revela hoje uma nova chamada para propostas de entidades governamentais e organizações sem fins lucrativos para o IBM Sustainability Accelerator. O foco é em projetos tecnológicos que visam aprimorar a resiliência urbana. A IBM também divulgou que pretende incrementar o investimento no programa de impacto social pró-bono em até 50%, comprometendo-se a disponibilizar até US$45 milhões em dinheiro e em doações de tecnologia e serviços nos próximos cinco anos. O IBM Sustainability Accelerator utiliza a tecnologia IBM, incluindo a plataforma de IA e dados IBM Watson, para auxiliar populações vulneráveis ao redor do mundo frente às ameaças ambientais, com uma nova RFP e temática de sustentabilidade anunciadas anualmente.

A ONU Habitat projeta que a urbanização mundial continuará a crescer nas próximas três décadas, passando de 56% (em 2021) para 68% (em 2050) da população vivendo em áreas urbanas. Os impactos desproporcionais das mudanças climáticas podem desafiar a capacidade de desenvolvimento urbano sustentável e planejamento, à medida que cidades ao redor do mundo se esforçam para lidar com prioridades como níveis de emissões, riscos climáticos intensificados, justiça ambiental e mais.

“Justina Nixon-Saintil, Vice-presidente e Diretora de Impacto da IBM, declara: “Após três anos trabalhando para melhorar vidas e elevar comunidades vulneráveis ao redor do mundo, estamos orgulhosos de reconhecer o sucesso do IBM Sustainability Accelerator por fortalecer tanto nosso impacto quanto nosso investimento no programa. Estamos ansiosos para colaborar com um novo grupo de parceiros para transformar as cidades em que vivemos e para implementar soluções que aproveitem o potencial da inteligência artificial para construir um futuro mais resiliente.”

Neste ano, o programa introduzirá uma nova colaboração estratégica com a EY para fortalecer a experiência do participante e amplificar o impacto do IBM Sustainability Accelerator. A EY contribuirá para o grupo de cidades resilientes, fornecendo apoio durante o processo de seleção de propostas, coaching de desenvolvimento organizacional das equipes e workshops de capacitação que se basearão no desenvolvimento de liderança e nas oportunidades de mentoria profissional disponíveis para os participantes do programa.

Os critérios de avaliação e seleção para a RFP global considerarão o nível de apoio dos requerentes às comunidades especialmente vulneráveis às ameaças ambientais urbanas; a viabilidade e a sustentabilidade das soluções tecnológicas propostas para a mitigação das mudanças climáticas e a transparência dos requerentes sobre a medição e elaboração de relatórios, entre outras considerações.

Iniciativas sem fins lucrativos e governamentais focadas na resiliência de cidades e na adaptação do clima urbano podem se candidatar na RFP a partir de 6 de março de 2024, até o término da janela de submissão, em 30 de abril de 2024. Os participantes selecionados serão anunciados ainda neste ano.

Perguntas sobre o programa IBM Sustainability Accelerator e a nova RFP podem ser enviadas para sustainability܂accelerator@ibm܂com .

Sobre o IBM Sustainability Accelerator

Lançado em 2022, o IBM Sustainability Accelerator é um programa de impacto social que aborda as ameaças ambientais impactando comunidades vulneráveis ao redor do mundo. A cada ano, o programa seleciona cerca de cinco projetos para escalar soluções de tecnologia e IA dentro de uma nova área temática de sustentabilidade. Até o momento, o IBM Sustainability Accelerator apoiou 15 projetos globais em três coortes ativas, focados em agricultura sustentável, energia limpa e gestão de água. Para mais informações, acesse o Link

Edição Atual

Assine nossa newsletter diária

Noticias Relacinadas