Iniciativa de Agrocarbono Sustentável: Uma Nova Era para o Agronegócio

A Câmara Temática de Agrocarbono Sustentável, uma iniciativa inovadora que visa promover o agronegócio com ênfase na redução das emissões de gases de efeito estufa, está programada para começar em março. A formação deste grupo foi oficialmente anunciada no Diário Oficial da União na segunda-feira (5) e representa um marco importante para os setores público e privado.

Composta por 74 membros titulares e igual número de suplentes, a câmara será um fórum para representantes de diversas associações rurais, instituições financeiras, entidades científicas, organizações não governamentais, representações sociais e órgãos governamentais. O objetivo comum é desenvolver políticas que proporcionem segurança alimentar, climática e ambiental ao país, ao mesmo tempo em que promovem um setor agropecuário produtivo em escala global.

Segundo o Ministério da Agricultura e Pecuária, o grupo inicialmente se concentrará em quatro áreas temáticas. Um grupo se dedicará à taxonomia do setor, identificando e classificando iniciativas sustentáveis em cada cadeia produtiva do agronegócio. Outro grupo se concentrará na rastreabilidade e certificações, garantindo a origem produtiva no mercado internacional. As finanças sustentáveis serão o foco do terceiro grupo, enquanto o quarto grupo se concentrará no mercado de carbono.

A câmara técnica atuará como um órgão consultivo do Conselho Nacional de Política Agrícola, auxiliando o Ministério da Agricultura e Pecuária na formulação de políticas públicas e na elaboração, monitoramento e supervisão do Plano de Diretrizes Agrícolas.

Edição Atual

Noticias Relacinadas