AMA, a iniciativa social da Ambev, beneficia 1 milhão de pessoas e arrecada mais de R$10 milhões

 

A Ambev, com o objetivo de expandir seu impacto e promover a inclusão produtiva no Brasil, anunciou recentemente um marco significativo em seu projeto de fornecer água potável para aqueles que não têm acesso. A empresa atingiu sua meta para 2025 mais cedo do que o esperado, impactando 1 milhão de brasileiros com a Água AMA, o primeiro produto social do Brasil, cujo lucro é totalmente direcionado para projetos de infraestrutura em comunidades e localidades carentes.

Até agora, a AMA apoiou 130 projetos e arrecadou mais de R$10 milhões. Para contextualizar, o número de pessoas beneficiadas pelo projeto é equivalente a 12 Maracanãs cheios ou três vezes a população de Rio Branco, no Acre.

Em colaboração com importantes parceiros, como a Fundação Avina, Deep e a startup Água Camelo, a Água AMA procura identificar a melhor solução para cada localidade, seja a construção de poços profundos, bebedouros públicos ou a canalização para distribuição de água potável em várias cidades do país.

“Estabelecemos metas ambiciosas para nossa jornada em ESG e a Água AMA foi uma delas. Em 2018, anunciamos que até 2025 impactaríamos 1 milhão de pessoas com o projeto e é com grande orgulho que anunciamos que alcançamos a meta antes do previsto. Isso porque unimos esforços com outros atores do ecossistema para ampliar nosso efeito de rede e impacto, e acelerar uma questão urgente na sociedade. Agora, vamos além, sempre criando mais motivos para celebrar”, afirma Carla Crippa, Vice-Presidente de Impacto e Relações Corporativas da Ambev e idealizadora do projeto.

Corrida contra a sede

A ideia de criar o primeiro produto social da Ambev surgiu em 2016, quando o departamento de Sustentabilidade da empresa iniciou a busca por um novo projeto para expandir os programas de preservação e uso consciente da água. Em parceria com a Yunus Negócios Sociais, a Ambev propôs a criação de uma água cujos lucros fossem 100% investidos no acesso à água potável.

A Água AMA chegou ao mercado em 2017 com o objetivo de fornecer água para quem não tem. Em 2018, começou a trabalhar em parceria com projetos que possibilitaram o acesso à água em uma das regiões mais afetadas pela escassez de água, o Nordeste. Em 2019, a AMA inovou ao lançar sua água em lata, tornando-se mais do que um produto com uma causa social e se consolidando no mercado como uma opção sustentável.

O ano de 2020 foi um marco para a Água AMA. Além de se preocupar em abastecer cidades que sofreram com a falta de acesso à água potável, a marca fez doações de água para localidades e hospitais necessitados durante a pandemia de Covid-19.

Nos anos seguintes, a marca expandiu suas parcerias e operações em mais territórios, passando a atender periferias de grandes cidades no Sudeste e aldeias indígenas no Acre. Em 2024, a Água AMA marcou presença no Carnaval de São Paulo, incentivando o consumo responsável e a sustentabilidade em um movimento 360° que visava ajudar as pessoas a se manterem hidratadas durante os circuitos, contribuir com o meio ambiente e o ecossistema de catadores e vendedores ambulantes.

Edição Atual

Assine nossa newsletter diária

Noticias Relacinadas